Uma Solução Acessível para a Crise do Produtor Rural

Conteúdo

O campo é o pilar das economias em todo o mundo, fornecendo alimentos e matérias-primas essenciais. No entanto, há uma crise que se intensificou no setor agrícola, gerando preocupações significativas quanto ao endividamento crescente. Entre as múltiplas razões que culminaram nessa crise, destacam-se a crise dos insumos agrícolas, o custo elevado do crédito, a queda nos preços da soja, milho e arroba do boi, o aumento dos custos de arrendamento mercantil e a escassez de infraestrutura de armazenamento.

Uma abordagem que tem se mostrado promissora para enfrentar essa crise de maneira abrangente e eficaz é o aporte de crédito internacional. Ao permitir que produtores rurais acessem financiamento de fontes internacionais, há alívio imediato e uma base sólida para a recuperação do setor. Existem várias maneiras de como o crédito internacional pode impactar positivamente a crise do produtor rural:

Mitigação da Crise dos Insumos Agrícolas: A crise dos insumos agrícolas, como fertilizantes e pesticidas, tem sido uma das principais razões para a diminuição da produtividade agrícola. Com crédito internacional, os produtores poderiam investir em tecnologias mais eficientes e em práticas agrícolas sustentáveis, reduzindo a dependência de insumos caros e prejudiciais.

Redução do Custo do Crédito: Um dos maiores entraves para os produtores rurais é o alto custo do crédito doméstico. O aporte de crédito internacional poderia oferecer taxas de juros mais competitivas, aliviando o fardo financeiro dos produtores e permitindo que eles refinanciem dívidas existentes em termos mais favoráveis.

Estímulo aos Preços das Commodities: A queda nos preços da soja, milho e arroba do boi tem corroído os lucros dos produtores. Com injeções de capital internacional, esses produtores poderiam adotar estratégias de diversificação e agregar valor às suas produções, minimizando os impactos negativos das flutuações de preços no mercado global.

Apoio ao Arrendamento Mercantil: O aumento dos custos de arrendamento mercantil tem comprometido a margem de lucro dos produtores. O crédito internacional poderia possibilitar aquisições ou negociações mais vantajosas de terras, permitindo que os agricultores reduzam seus gastos com arrendamento e expandam suas operações.

Investimento em Infraestrutura de Armazenamento: A falta de armazéns adequados tem levado a perdas significativas pós-colheita. Com recursos provenientes de crédito internacional, os produtores poderiam investir na construção e modernização de armazéns, aumentando a capacidade de armazenamento e reduzindo desperdícios.

O aporte de crédito internacional é uma solução promissora para enfrentar essa crise de forma holística, proporcionando aos agricultores os recursos necessários para superar os desafios existentes e prosperar em um ambiente econômico volátil. Com o apoio adequado, o crédito internacional pode ser o catalisador que permite ao setor agrícola reerguer-se e continuar desempenhando um papel fundamental na segurança alimentar e no desenvolvimento econômico.

“A entrada de um produtor rural no crédito internacional dará a ele as mesmas condições que grandes empresas possuem. Como por exemplo captar dinheiro em moedas fortes, investir no Brasil e ter retorno financeiro de no mínimo 10% sobre o ganho de produção líquida, expandindo assim o mercado do agro mais fortemente para produtores capitalizados”

Luciano Bravo

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

nove + quinze =

Posts recomendados

A Inteligência Comercial é a representante exclusiva da Savel Capital Partners no Brasil, para operações de crédito.

Savel Capital Partners é a única representante do Kennedy Funding Financial para o Brasil.

Savel capital partners