Empresas Brasileiras Buscam Acesso ao Mercado Externo de Dívida após o Retorno das Férias no Hemisfério Norte

Conteúdo

Com o retorno das férias no Hemisfério Norte, as empresas brasileiras estão se movimentando para acessar o mercado externo de dívida em setembro. Segundo informações obtidas pelo canal Valor, até seis companhias estão planejando operações ao longo do mês, com um volume estimado que poderá atingir até US$ 7 bilhões.

O Aquecimento do Mercado na Primeira Semana Pós-Férias

Nesta primeira semana após o retorno da pausa, o mercado internacional de dívida já demonstrou sinais de aquecimento. Um exemplo notável foi o frigorífico JBS, que levantou impressionantes US$ 2,5 bilhões, superando significativamente a estimativa inicial de US$ 1 bilhão. Esse resultado foi impulsionado pela elevada demanda por parte dos investidores, contribuindo para um aumento nas estimativas para o restante do mês.

Recorde na Emissão de uma Companhia Brasileira

O volume de emissão alcançado pelo frigorífico JBS representa um marco significativo. Esta emissão foi a maior registrada por uma companhia brasileira desde pelo menos 2017, marcando o início da série histórica da Anbima. As ordens para a subscrição das notas chegaram a quase US$ 8 bilhões, indicando a confiança e o interesse dos investidores no potencial das empresas brasileiras no mercado internacional de dívida.

A Importância do Crédito Internacional para o Crescimento Empresarial

“Para mim, a busca das empresas brasileiras pelo acesso ao mercado externo de dívida reflete a importância do crédito internacional como uma fonte crucial de financiamento para o crescimento e expansão dos negócios. Com as taxas de juros ainda historicamente baixas em várias economias do Hemisfério Norte, as empresas brasileiras encontram uma oportunidade favorável para captar recursos a custos competitivos” (Luciano Bravo).

Além disso, o crédito internacional oferece às empresas a chance de diversificar suas fontes de financiamento, reduzindo a dependência de empréstimos locais e proporcionando maior estabilidade financeira em meio a flutuações econômicas regionais.

O movimento das empresas brasileiras em direção ao mercado externo de dívida após o retorno das férias no Hemisfério Norte sinaliza uma busca ativa por oportunidades de financiamento no cenário internacional. O sucesso da emissão do frigorífico JBS e o interesse demonstrado pelos investidores indicam um ambiente favorável para as empresas brasileiras buscarem alternativas de crédito.

“O crédito internacional emerge como uma ferramenta crucial para impulsionar o crescimento empresarial, proporcionando acesso a recursos a taxas competitivas e diversificando as fontes de financiamento. Este movimento não apenas fortalece as finanças das empresas, mas também contribui para a dinamização da economia brasileira no contexto global”.

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

10 + 1 =

Posts recomendados

A Inteligência Comercial é a representante exclusiva da Savel Capital Partners no Brasil, para operações de crédito.

Savel Capital Partners é a única representante do Kennedy Funding Financial para o Brasil.

Savel capital partners